aman 62

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

AMAN - Um breve histórico

 

Do sonho à realidade


A Academia origina-se da Academia Real Militar, criada por D. João na Carta de Lei de 4 de dezembro de 1810. Inaugurada em 23 de abril de 1811, na Casa do Trem, atual Museu Nacional, a Academia Real Militar foi concebida para formar oficiais de Infantaria, de Cavalaria, de Artilharia e oficiais engenheiros, inclusive geógrafos e topógrafos. Recebeu inúmeras denominações e ocupou diversas sedes ao longo de mais de um século de existência. Instalou-se, em 1944, na Cidade de Resende com o título de Escola Militar, transferida de Realengo onde funcionava antes. Em 23 de abril de 1951 adotou a denominação de Academia Militar das Agulhas Negras.(AMAN).


Sua inauguração tornou realidade o sonho de seu idealizador, o Cel José Pessoa Cavalcante de Albuquerque. Entre muitas de suas realizações como comandante da Escola Militar de Realengo, contam-se a adoção do título de cadete para os alunos, a instituição de uniformes, criados com base nos históricos uniformes dos oficiais do Império em 1852, que permanecem inalterados até os nossos dias e o espadim do cadete – símbolo da honra militar – miniatura do sabre de Caxias