Turma AMAN/62
inaugurou a EPC em 1959

 

O ano de 1959 foi o marco de um novo tempo para a Escola Preparatória de Cadetes, que, na recém-inaugurada sede, deixava de ser EPSP (São Paulo), adotando o nome de Escola Preparatória de Campinas (EPC). Na sequência, ante a extinção das outras escolas preparatórias, tornou-se Escola Preparatória de Cadetes do Exército – EsPCEx. Em 5 de janeiro de 1959, chegava à cidade de Campinas o destacamento precursor, que prepararia as instalações para a transferência do restante da Escola, ocorrida em 27 de janeiro daquele ano. Na ocasião, futuros componentes da Turma Duque de Caxias (AMAN/62) eram seus alunos do terceiro ano.

 

Lemgrüber em frente às novas instalações

 

Alunos seguem para desfile em Campinas

 

Cavalcanti, Pennafirme e Lemgrüber



(clique nas fotos para ampliar)

 

Dia da Engenharia


“Construir, por vezes destruir,
mas sempre servir”

 

O Exército Brasileiro rejubila-se ao prestar homenagem aos integrantes da Arma de Engenharia e a seu ilustre patrono – o Tenente-Coronel João Carlos de Villagran Cabrita.

As origens da Arma de Engenharia remontam ao período do domínio português, quando as necessidades impostas pela defesa da Colônia conduziram à construção de inúmeros fortes que, ainda hoje, pontilham estrategicamente o vasto território nacional, constituindo-se em testemunhas perenes do nascimento da Engenharia Militar em nosso País.

A Engenharia tem por missão precípua, apoiar a mobilidade, a contramobilidade e a proteção, caracterizando-se como um fator multiplicador do poder de combate.

 

Neste 10 de abril comemora-se o aniversário da vitória brasileira no combate de consolidação da conquista da ilha da Redenção, no rio Paraná.

A figura central desse belo episódio de nossa História Militar foi o Tenente Coronel João Carlos de Villagran Cabrita, então comandante do Batalhão de Engenharia. O Exército Brasileiro reconheceu o bravo João Carlos de Villagran Cabrita em face de esse bravo soldado ter-se imortalizado na Campanha da Tríplice Aliança, ao protagonizar uma das mais belas páginas da História Militar Brasileira. Foi selecionado dentre muitos, para, na liderança de tropas de Infantaria, Artilharia e Engenharia, conquistar a Ilha, fortificá-la e mantê-la a todo custo.

Cumpriu exemplarmente a missão recebida, com sacrifício da própria vida, passagem que marcou a retomada das operações ofensivas, fator decisivo para nossa vitória .
Saudamos os soldados da Arma azul-turquesa !

 

 

 

12 de Abril Dia da Intendência

 

“Nós Ditamos
a Permanência no Combate...”

 

As origens da Intendência se confundem com as próprias origens do Exército Brasileiro, na estruturação do apoio logístico realizado para suprir as campanhas das Batalhas de Guararapes. Após a 1ª Guerra Mundial, oficiais franceses, em razão da experiência adquirida, tinham melhores condições para difundir a doutrina militar, na qual avultava a importância do suprimento e do abastecimento.

Desta forma, em 1919, chegou ao Brasil a Missão Militar Francesa que, entre outras realizações, teve participação efetiva na criação do Serviço de Intendência. Sob essa influência, em 1º de outubro de 1920, foi aprovado o Regulamento para o Serviço de Intendência.

 

 

Em 12 de abril de 1840, na cidade de Porto Alegre, nascia Carlos Machado de Bittencourt, um dos mais ilustres militares brasileiros. Cursou a Escola Militar do Rio Grande do Sul e a Escola Militar Central, precursora de nossa Academia, sendo promovido ao posto de 2º tenente em 1860. Concluiu, em 1864, os Cursos de Artilharia, Infantaria e Cavalaria. Participou da Campanha da Tríplice Aliança, destacando-se na Batalha de Tuiuti, onde foi ferido.
Terminou a guerra no posto de capitão, promovido por atos de bravura. Após brilhante carreira, foi promovido a Brigadeiro em 1890 e a Marechal em 1895; nesse mesmo ano assumiu o Ministério da Guerra.

Em 1897 ocorre seu sacrifício à Pátria: na cidade do Rio de Janeiro, Capital da República, em desembarque de Prudente de Morais ladeado por seu Ministro da Guerra , o anspeçada (graduação militar entre as de soldado e cabo) Marcellino de Oliveira, armado de faca, investiu contra o Presidente da República.

Bittencourt colocou-se à frente, e a arma penetrou fundo em seu coração, tirando-lhe a vida. O Marechal Carlos Machado de Bittencourt foi consagrado patrono do Serviço de Intendência por haver demonstrado, como Ministro da Guerra, a necessidade de um serviço de Intendência estruturado, equipado e adestrado, para garantir o apoio logístico às tropas e o consequente sucesso operacional.

07 – Dia Mundial da Saúde
10 – Dia da Arma de Engenharia
12 – Dia do Serviço de Intendência
13 – Dia do Hino Nacional Brasileiro
19 – Dia do Exército Brasileiro
21 – Inconfidência Mineira
21 – Aniversário de Brasília
22 – Descobrimento do Brasil
22 – Dia da Aviação de Caça

26 – Dia da 1ª Missa no Brasil

 

 

 

PARABÉNS!

Abril

 

11 Abr – Enzo  (Eng)

12 Abr – Andrade  (MB) 

12 Abr – Hana Luíza (Wortman – Inf)

12 Abr – Ronald  (Art)

13 Abr – Carmélia (D’Alencar – Inf) 

13 Abr – Neide  (Lemgrüber – Int)

14 Abr – Maria Teresinha  (Marques – Art)
16 Abr – Freire  (Inf)

16 Abr – Júlia  (Castelo Branco – Inf) 

16 Abr – Lisboa  (Eng)

16 Abr – Mascarenhas  (Art) 

16 Abr – Scipião  (Int)

17 Abr – Olenka  (Licínio – Eng) 

19 Abr – Suzana  (De Cunto – Cav)

20 Abr – Cidália  (Rolim – Inf) 

 

Site Atualizado 17/04/2018

Esta página é atualizada semanalmente. Se não está encontrando nela informação específica que motivou sua visita, pode ser  que seu computador não esteja exibindo a versão mais atualizada.

Aperte, então, a tecla F5 (alto de seu teclado),

e obterá as informações mais recentes.

 

ESTA PÁGINA É EDITADA PELO PRESIDENTE DO CONSELHO DIRETOR DA ATUDUCAX

Solicitamos que assuntos do interesse da Turma AMAN62 sejam enviadas para o endereço acima.

 

 

Veja mais

 

FOTO OFICIAL DO ENCONTRO MAIS RECENTE

 

 

 

SALVE 19 DE ABRIL !

 

 

O Cel William da Rocha e seu filho são os autores do HINO A GUARARAPES. Poeta exemplar, fraterno amigo, desde tempos de EPF, do memorialista Tuducax Camurça, forma com o filho, músico, uma dupla exemplar. É de autoria dele o texto de reverência a nosso Exército neste 19 de abril que a seguir transcrevemos.

Os holandeses para o Nordeste vieram e com eles trouxeram a Companhia das Índias Ocidentais. Primeiro na Bahia em 1624 e em Pernambuco em 1640, onde fizeram presente a visão atenta do Príncipe Maurício de Nassau. Trouxeram um exército que chegou a 6300 soldados. Atento estava o holandês ao estratégico saliente Nordeste bem em frente à África e Sul da Europa,dispondo de um excelente porto em Recife protegido pelas calhas dos Capibaribe e Beberibe. Desenvolveram um programa sócio, religioso e cultural. Fundaram os Fortes do Brum e das Cinco Pontas. Seus soldados eram respeitados e experientes. Deixaram em solo nordestino forte marca de sua presença na construção de nosso destino. Não vieram e simplesmente passaram. Não se foram ou simplesmente nos deixaram indiferentes às nossas aspirações nacionais ou por caprichos seus. Foi um histórico Encontro marcado por Deus. Cada um cumprindo sua parte na vida da emergente sociedade, despontando com o ouro branco - o açúcar, dos canaviais. A gente que aqui estava e os holandeses, cada qual seguia os rumos, nada mais que das consciências, exercendo importantes influências, na alma e nos costumes da gente daquelas terras tropicais. Mas voltemos os olhos ao ano de 1648. O mês? Abril. O dia? Dezenove. Zona de Reunião em GUARARAPES. Em que parte? Boqueirão. Ali nossa tropa, silenciosamente, se move. Está prestes a escrever páginas gloriosas de nossa História. Soldados valentes de ambos os lados, para sempre incorporados à nossa memória.
"Às espadas!" comanda Dias Cardoso, o comandante capaz e corajoso, que parte do efetivo oponente atraiu para um terreno alagadiço em frente. De imediato, o ousado Fernandes Vieira com seus soldados o flanco adversário investe. Em fulminante e rápida manobra, o chefe negro Felipe Camarão e Poti, o chefe dos índios, no terreno a tropa desdobra. Resistem bravamente das armas batavas ao tranco e com suas disponíveis armas atacam outro flanco. Arcos e flechas, lanças, bordunas e tacapes são armas antigas mas eficientes. Vidal de Negreiros emprega seu batalhão no momento propício. Aumentam a ação-de-choque e a impulsão. A emboscada é um sucesso. Nossa tropa surpreende os holandeses com valentes, eficazes e adequados processos de combate.
Foram mais de duzentos e quarenta minutos intermináveis, momentos memoráveis. Não vemos mamelucos, tampouco cafuzos, índios, negros ou mulatos que não viam nos soldados oponentes dementes inimigos. Não os movia ódio ou rancor. Eram soldados improvisados movidos por uma só vontade, um forte sentimento aglutinador, uma só identidade e, pela Terra Brasílis, um só amor. Assim, em 19 de abril de 1648, com profundas raízes em GUARARAPES, NOSSO EXÉRCITO nascia e, com ele, a NAÇÃO BRASILEIRA.
Que estejamos atentos a cada tempo vivido sem perdermos de foco que amamos a Deus sobre todas as coisas e ao Brasil acima de tudo.
O Exército de sempre não se acomoda, não perde de vista a legalidade do Poder de que é investido, para defender, a qualquer tempo, a Nação unida, livre e democrática. Nos opomos aos intentos daqueles que pretendem nos dividir, "reorganizar a carreira militar" , mexer nos "currículos acadêmicos militares" e implantar "cotas" influindo na formação cristã e nacionalista do soldado.

Ouso encerrar relembrando o HINO A GUARARAPES.

 

Desta gente, soma e parcela,
No presente seu futuro faz.
É vontade que luta e zela
Pela ordem, segurança e pela paz.

 

Responsável, moderna liderança,
Braço Forte, defesa destemida,
Na coragem, lealdade e confiança.
Ao irmão a Mão Amiga estendida.

 

Fusão de raças, forte semente.
Em Guararapes pujante surgiu,
Presença nacional no continente,
É a Força Terrestre do Brasil.

 

Reverente à ordem e à disciplina,
O Exército constrói a sua história.
Suas Armas, ciência e doutrina
Seu passado de luz e de glória.

 

De Caxias e do Estelar Cruzeiro,
Sabre honrado, voltado à missão.
Povo bom, valente, altaneiro,
Verde-Oliva vestindo o coração.

 

RECUPERAR / IMPRIMIR FOTOS
DO ENCONTRO EM ANGRA DOS REIS

No alto desta primeira página do site, está o subtítulo ENCONTROS.

Ao clicar ali, o interessado encontrará, entre outras, a informação:

*****************************************

Encontro Nacional Tuducax de 2017 - Angra dos Reis-RJ

1. Retrospecto

 

2. Álbum de fotos do Encontro  (1 – Chegada; 2 – Coquetel de Abertura; 3 – Vistas do Hotel e da Praia; 4 – Convivência (neste estão mais de 200 fotos);  5 – Apresentação do Heinz e Assembleia;6 – Seresta;  7 – Jantar de Encerramento;  8 – Despedidas. 

3. Ecos do Encontro

 

Portanto, ali poderá ser selecionada qualquer fotografia que se deseje contemplar, copiar ou imprimir.

 


ENCONTRO TUDUCAX 2018

 

 

LOCAL:

Balneário Camboriú – SC

 

PERÍODO:

07 a 12 de novembro

 

 

O PROGRAMA INCLUI:

    05 diárias no Hotel Mercure (4 estrelas)

    • Traslado Aeroporto Navegantes/Hotel

(ida e volta    –   distância 30 Km)

  • Jantar de Abertura com Show Acústico
  • Passeio Barco PrÍncipe Joinville (com almoço)
  • Passeio Parque Unipraias
  • Almoço em restaurante Praia de Laranjeiras
  • Jantar em restaurante da cidade
  • Assembleia Geral Ordinária ATUDUCAX
  • Jantar de Encerramento com Banda Show

 

 

PREÇO

casal  –  R$ 4.486,00
single –  R$ 3.227,00

triplo   – R$ 5.913,00
criança até 8 anos com dois adultos não paga
(limite: 3 pessoas por apartamento)

 

Cancela sem multa até 30 dias do início do evento.

 

FORMA DE PAGAMENTO

Entrada+parcelas (até 7);última até 10 de novembro

 

Sugestão:
Casal       –  R$ 1.045,80 + 7 X R$ 491,46
Solteiro   – R$     818,10 + 7 X R$ 344,12
Triplo      –  R$  1.323,90 + 7 X R$ 655,58

 

INSCRIÇÕES

As adesões devem ser feitas  junto à empresa

view travel 

www.viewtravel.com.br

Telefone: (41) 3232-7990

Av. Manoel Ribas, 7415-02

Santa Felicidade – Curitiba/PR

 

 juliana@viewtravel.com.br

 (41) 99946-2529 

adriana@viewtravel.com.br

(41) 99971-6021

 

AÉREO

A VIEW TRAVEL oferece acordos exclusivos para o Evento. Tarifas especiais de todo Brasil com destino a Navegantes.

CONSULTE O SEU AÉREO E RECEBA NOSSAS VANTAGENS.

 

Telefone: (41) 3232-7990



SANANDO DÚVIDAS SOBRE
TAXA PARA NÃO SÓCIOS



VÁRIOS AMIGOS QUE COSTUMEIRAMENTE NOS DÃO O PRAZER DE SE FAZEREM ACOMPANHAR POR PARENTES E AMIGOS EM NOSSOS ENCONTROS TÊM PERGUNTADO –  FACE AO QUE FOI DELIBERADO NA AGO DE 02/11/2017 –
SE A TAXA PARA NÃO SÓCIOS É COBRADA POR PESSOA.
RESPOSTA: NÃO



CADA APARTAMENTO – SINGLE, CASAL OU TRIPLO OCUPADO POR NÃO SÓCIO IMPLICA PAGAMENTO UNICAMENTE DE UMA TAXA NO VALOR DE R$ 130,00, A SER PAGA JUNTO AO VALOR DO “PACOTE”, NA
EMPRESA  VIEW TRAVEL, NO MOMENTO DA INSCRIÇÃO.

 

 


FHE E ATUDUCAX RATIFICAM
TERMO DE COMPROMISSO


A Fundação Habitacional do Exército e a Associação da Turma Duque de Caxias, representadas, na ocasião, respectivamente, pelo Gen Div PAULO KOMATSU e pelo CeL Eng QEM FERNANDO VELLOSO, confirmaram compromisso entre as partes, em vigor desde o ano de  2015, assinando revalidação de Termo em que se ratificaram as condições sob as quais a FHE/POUPEX repassará recurso financeiro de R$ 10.000,00 em  2018,  em função de contrapartidas a serem realizadas durante o ano pela ATUDUCAX.


 


 

De braços abertos !

 


Clique para ampliar!


O companheiro Benevides está fazendo todos os contatos, tomando todas as providências para que o Encontro em Balneário Camboriú seja sucesso total.
E esperando os amigos de braços abertos !

 

Inscrições


Em preto - pré-inscrição

Em verde - adesão confirmada

 

 

Velloso e Ivonete
Paulo Lobo e Armê
Benevides e Lisolete
Linelson, Lígia e Ma. Valentina 
Calazans e Lia
Lacerda, Dulce e Ma. Luiza
Ricardo, Cybelle e Ma. Julia
Penha Alves, Magali e Márcia
Cláudio, Karla e Cláudia
De Cunto e Suzana

Sandra e Annita
Reis, Rizelda e Danielle
Jacaono e Eni
Danilo,Liene,Daniel,Ma.Eduarda
Rocha e Ângela
Marília e Yara
Genuino e Nilce 
Stelio Cruz e Gladys
Moraes e Tânia  

Tomaz e Themis
José Celso e Tânia

Sarmento e Nelva
Amadeu Mesquita e Regina
Gilson Fernandes, Alice e Sofia

Paixão e Solange
Mota Mendes e Neuza

Terra e Cristina
Dantas e Ana Cecy

Geraldo e Graça
Hiram e Cláudia

Padilha e Selene
Gobbo e Lina
Edilson e Lenira

Saunders e Fátima 
Muzzi e Ieda 
Telles e Dulce

Claúdio Lobo e Sônia
Amaury Cardoso
Décio Maurer e Cheila

Ma.Carolina,Ma.Fernanda e José Ricardo
Gabriel, Evelize e João Gabriel
José Cabral

Fonseca e Regina
Isabel Leite e Fernanda (neta)

 

 

DIA A DIA DO ENCONTRO

 

 

- 07/11 -  transfer  do aeroporto DE NAVEGANTES para o hotel em Balneário Camboriú; acomodação 
À noite - Jantar de Abertura

 

 

- 08/11- transporte às 08h00 para Joinville; embarque no navio Príncipe Joinville e passeio até a baia de Babitonga, passando por suas 13 ilhas, com almoço durante a navegação e visita ao porto e ao Centro Histórico da ilha de São Francisco; retorno ao hotel  previsto para as 17 horas.         
- Noite livre  


- 09/11- transporte pela manhã até a Barra Sul; subida pela manhã no teleférico; passeio no parque Unipraias; descida até a praia de Laranjeiras, onde será servido o almoço em um dos restaurantes especializados em frutos do mar; retorno pelo teleférico e transporte para o hotel.  
17h00 - Assembleia Geral Ordinária.
- Noite livre  



- 10/11 -  grande luau, com nossa animada turma, em dependência do hotel 
 À noite - Jantar em restaurante da cidade 

 

 

- 11/11- dia livre
À noite - Jantar de Despedida

 

 

- 12/11 - transfer para o Aeroporto de Navegantes

(check-out no hotel até as 12h00)

 

......................................................

 

 

 

ANUIDADES

 

(informe-se a respeito, clicando aqui)

 

Dados da ATUDUCAX (para depósitos): 

Banco  do  Brasil,  Agência: 1003-0;

Conta Corrente: 45.072-3.

 

 

Ao realizar o depósito não deixe de acrescentar o valor correspondente ao seu dígito identificador.  Certifique-se
a respeito dele consultando aqui.

 

 

 

A ATUDUCAX AGRADECE, DESDE JÁ, SUA VALIOSA PARTICIPAÇÃO.

 

 

 - CLIQUE AQUI E VEJA OS QUE ESTÃO QUITES COM A ANUIDADE DE 2018.

 

 

 - CLIQUE  AQUI   E  CONSULTE  NO  ITEM  04  INFORMAÇÕES REFERENTES A ANUIDADES DE OUTROS ANOS.

 

.................................................................

 

 

 

 

Publicamos no site, mês a mês, o movimento financeiro, que pode ser acompanhado a partir de janeiro de 2015 (primeiro sob a responsabilidade da Diretoria empossada naquela ocasião).

 

Clique aqui e confira os demonstrativos pormenorizados .